Dado o início dos desfiles da moda invernal 2013, saiba quais são as principais tendências apontadas

Moda inverno 2013

Os desfiles da temporada Inverno 2013 se iniciam e, mediante a publicidade de grandes marcas e apresentações para a estação, as principais tendências que devem se manter em evidência começam a apontar. Entre Londres, Milão, Nova Iorque, Paris e Brasil, as principais apostas para a moda inverno 2013 tratando-se de cores, formas, texturas, matérias-primas são:

Moda inverno 2013

SPFW Inverno 2013; Triton, Osklen, Ronaldo Fraga e Gloria Coelho

-Oversize: Suéteres, vestidos ou paletós entram em cena mais amplos, inspirados na moda esportiva ou de alfaiataria. Costuras deslocadas e o jogo entre peças estruturadas e oversized estarão presentes na temporada.

Moda inverno 2013

SPFW Inverno 2013; Samuel Cirnansck, Paula Raia, Gloria Coelho e Têca por Helô Rocha

-Transparência e fluidez: Tule, superfícies rendadas e aplicações estratégicas de tecidos e bordados – pérolas delicadas e escamas sobressaem-se – aparecem em meio a peças amplas cuja intenção é evidenciar a silhueta, destacar o busto, porém, com descrição.

Moda inverno 2013

SPFW Inverno 2013; Uma, Osklen, Têca por Helô Rocha e Tufi Duek

-Couro: O couro mantém-se em evidência, porém, vedete dos dias de inverno, apresenta-se mais espesso e com algumas variações. Ecológico ou não, será encontrado em peças recortadas, contraposto a tecidos leves.

Moda inverno 2013

SPFW Inverno 2013; Maria Garcia, Uma, Colcci e Triton

-Alfaiataria: Com elegância, a referência masculina inspira as coleções femininas sem que se abra mão da delicadeza. Calças, paletós e coletes estruturados construídos no veludo, camisas acinturadas de seda e cigarettes combinadas a paletós de golas desestruturadas e no tricô atenuam a rigidez do terno tradicional.

Moda inverno 2013

SPFW Inverno 2013; Uma, Triton, João Pimenta e Maria Garcia

-Monocromia: Em meio a moda dos famosos “conjuntinhos”, nuances do vermelho, vinho e bordô sobressaem-se, assim como tonalidades do cinza e azul. Produções monocromáticas voltam à cena.

Por Selena Escher